Escolha uma Página

Giro das Associadas: BB Previdência, Celos e Prevcom

BB Previdência tem novo Diretor Financeiro e de Investimentos – Gustavo Garcia Lellis assumiu a Diretoria Financeiro e de Investimentos da BB Previdência. Com sólida experiência no mercado e mais de 28 anos no Banco do Brasil, Lellis ocupava o cargo de Executivo da Diretoria de Suprimentos, Infraestrutura e Patrimônio (Disec) e atuava como Conselheiro Indicado pelo Banco do Brasil no Comitê BVEP de Assessoramento ao Conselho de Administração do BVEP – BV Empreendimentos e Participações S/A nas decisões de investimentos em empreendimentos imobiliários.

O novo diretor assume a vaga deixada por Adriana Teixeira, que se aposentou. Segundo a entidade, Lellis passa a fazer parte da Diretoria Executiva da BB Previdência em um momento de transformações na entidade. Desde a adequação à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e à Resolução nº 32 do Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC), Lellis auxiliará a BB Previdência tanto no processo de transformação digital quanto na política de investimentos frente ao cenário de oscilações de mercado de 2020.

 

Celos inicia processo de venda de carteira de FIPs e créditos em default – A Fundação Celesc de Seguridade Social – Celos está realizando dois processos competitivos para a venda de cotas de Fundos de Participação – FIPs; e Créditos Privados em default – execução judicial. Os processos visam otimizar a carteira da fundação, abrindo espaço para investimentos em ativos que tragam maior retorno para a entidade.

A Celos informa que já mapeou algumas empresas especializadas nestes dois segmentos e enviará carta convite para verificar interesse em participar do processo. Caso mais alguma empresa especializada nestes segmentos tenha interesse em participar de um dos processos, o interessado deverá requerer ao e-mail dvgi@celos.com.br sua inclusão até a data de 15/01/2021.

 

Política de Investimento da Prevcom estabelece diretrizes e metas de retorno para 2021 – A Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo (Prevcom) definiu as diretrizes e os parâmetros que devem regular a gestão dos recursos dos planos de benefícios administrados pela entidade. Os procedimentos, critérios, projeções macroeconômicas e metas de retorno, entre outros itens, constam da Política de Investimento aprovada pela instituição que permanecerá em vigor de janeiro a dezembro de 2021.

O documento está disponível no site da entidade e contém os princípios e normas que irão nortear as ações que serão desenvolvidas durante este período, balizando as decisões de conselheiros, diretores, administradores fiduciários, gestores de carteiras e órgãos de regulação e supervisão. O objetivo geral de rentabilidade da Prevcom permanece fixado no correspondente à variação do IPCA mais 4%.

Giro das Associadas: Prevcom, Cibrius e Sebrae Previdência

Rentabilidade de planos da Prevcom sofre leve retração – A rentabilidade da carteira administrada pela Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo (Prevcom) registrou, em setembro, leve retração de – 0,39% provocada, entre outros fatores de curto prazo, pela instabilidade do mercados devido aos ajustes fiscais nas economias norte-americana e brasileira. O Índice Bovespa também fechou em baixa refletindo a instabilidade das bolsas globais gerada pela sinalização de uma segunda onda de contágio do coronavírus em países europeus.

Apesar da oscilação, os investimentos no exterior foram protegidos pela alta do dólar, gerando resultados praticamente neutros sobre o capital investido. O recuo mensal ocorre após cinco meses consecutivos de retornos positivos iniciados em abril, de 1,80%, seguidos por 1,09% em maio, 1,75% em junho, 1,62% em julho, até o percentual de 0,87% de agosto. A sequência de alta permitiu aos planos da Prevcom acumularem 3,88% de rendimento no ano. Em 12 meses, os investimentos totalizaram ganho de 8,69%.

 

Cibrius estuda oferta de novos produtos – Com o propósito de fortalecimento da entidade e a promoção das transformações estruturais necessárias, o Cibrius tem estudado a viabilidade de oferecer novos produtos a diferentes públicos, além dos empregados da Conab. A estratégia visa consolidar o fundo de previdência complementar.

A primeira iniciativa implementada nesse sentido foi a criação de um grupo de trabalho com o objetivo de elaborar um plano de ação visando traçar ações estratégicas que abrangem a prospecção de outros produtos e aumento da massa de novos participantes para o ConabPrev por meio de planos instituídos.

 

Sebrae Previdência lança Painel de Investimentos – O Sebrae Previdência lançou o Painel de Investimentos, uma ferramenta de divulgação de resultados que compartilha informações geradas por meio de business intelligence. O painel disponibiliza a evolução patrimonial dos planos, a distribuição de recursos por gestor, os limites da Política de Investimento aprovada para cada perfil, a rentabilidade líquida dos perfis no mês, ano e nos últimos 12 meses, com o comparativo de indicadores de mercado, entre outra coisas. De acordo com o Diretor de Administração e Investimentos, Victor Hohl, o resultado do trabalho torna as informações mais acessíveis, aumentando a transparência, e facilita a comparação de desempenho de cada perfil, auxiliando o participante no processo de escolha do perfil mais adequado às suas expectativas.

Nas próximas etapas de desenvolvimento da ferramenta, a ideia é inserir também dados que facilitarão a análise e entendimento de risco de cada perfil. Serão consideradas informações como volatilidade, sharpe e retornos máximo e mínimo em um período pré-determinado. Segundo Vico Diretor, o Painel de Investimentos será atualizado mensalmente, após a divulgação de todos os indicadores de mercado. Alguns desses indicadores possuem datas específicas de divulgação. O participante poderá ainda comparar os resultados com outros meses.

A proposta é que a ferramenta de BI seja utilizada, também, nos próximos meses, para disponibilizar outras informações, tais como crescimento do número de participantes, dados sobre os benefícios pagos mensalmente, volume de contribuições e portabilidade, além de informações sobre a carteira de empréstimo.

Giro das Associadas: Prevcom, Libertas e Valia

Carlos Flory participa de palestra sobre previdência complementar em Congresso da Apeprem – A implantação do regime de previdência complementar, sua obrigatoriedade e as alternativas de adesão a entidades fechadas serão os principais pontos abordados pelo Presidente da Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo (Prevcom), Carlos Henrique Flory, e o subsecretário de Previdência Complementar da Secretaria de Previdência, Paulo Fontoura Valle, durante o 16º Congresso Estadual de Previdência da Apeprem (Associação Paulista de Entidades de Previdência do Estado e dos Municípios), ocorrerá nos dias 14 e 15 de outubro.

Na palestra marcada para 14 de outubro, às 9h40, Paulo Valle e Carlos Flory irão tratar do marco legal que instituiu o sistema previdenciário aos entes federativos e das etapas necessárias para sua constituição. Os entes têm prazo até novembro de 2021 para aprovar a legislação e adotar o novo regime, conforme estabelecido na Reforma da Previdência. À frente da Prevcom, Carlos Flory, falará sobre a experiência da entidade responsável pelo gerenciamento dos planos dos servidores estaduais de São Paulo, do Prevcom RO, do estado de Rondônia, Prevcom MS, de Mato Grosso do Sul, e do SP Previdência, da cidade de São Paulo. A Fundação administra também os sistemas dos municípios paulistas de Guarulhos, Louveira, Jales, Osasco, Santa Fé do Sul, Birigui e Ribeirão Preto vinculados ao plano multipatrocinado Prevocm MultiI.

O 16º Congresso Estadual de Previdência da Apeprem será online e gratuito. O link para inscrições, programação e informações sobre os palestrantes estão disponíveis no site www.apeprem.com.br/eventos

Libertas lança Programa Saúde em Casa – Por meio do Programa Saúde em Casa, coordenado pela Gerência de Recursos Humanos e Administração da Fundação Libertas, os colaboradores receberam um kit completo para tornar o home office confortável e seguro: uma poltrona ergonômica certificada, doada pela fundação, um suporte para notebook, teclado, mouse e a opção de cessão de monitores. O objetivo da ação é promover um ambiente de trabalho adequado.

A Fundação Libertas anunciou recentemente que os colaboradores ficarão em home office por tempo indeterminado. “A Libertas se preocupa com o bem-estar de todos e está programando ainda diversas ações dentro do programa, para tornar essa nova realidade cada vez melhor para todos”, diz comunicado da entidade. 

Valia lança podcast no Spotify – A Valia lançou um novo canal de comunicação sobre as novidades da fundação: o ValiaCAST. O podcast pode ser acessado no Spotify, no perfil do Youtube da Valia e também no site institucional. “Fizemos um estudo sobre os hábitos e comportamentos dos nossos participantes e uma das observações é que nosso público consome podcasts – ferramenta que está se tornando cada vez mais comum no dia a dia das pessoas, pela praticidade e relevância no conteúdo. Queremos oferecer mais uma opção de canal para que todos fiquem por dentro de temas como educação financeira, investimentos e sobre as novidades da Valia”, reforça Daniel Coelho, gerente de Educação e Marketing da entidade.

O episódio de estreia do ValiaCAST é uma entrevista com Edécio Brasil, Diretor Superintendente da Valia, que contou sobre a história dos 47 anos da fundação, seus desafios e conquistas. Acesse aqui para ouvir.

Giro das Associadas: Postalis, Valia, Fapes e Capef

Postalis discute estratégia previdencial com participantes e assistidos – O Postalis reuniu representantes dos participantes para discutir a proposta de uma estratégia previdencial para equacionar o déficit do Plano BD. A elaboração dessa estratégia foi uma exigência do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado entre a entidade, os Correios e a Previc, em fevereiro deste ano.

A reunião, realizada virtualmente, contou com mais de 50 pessoas, entre elas o Presidente do Postalis, Paulo Humberto de Oliveira, e outros dirigentes, além de especialistas em previdência da consultoria Mercer e de cinco associações: FAACO (Federação dos Aposentados, Aposentáveis e Pensionistas dos Correios e Telégrafos); FINDECT (Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios); FENTECT (Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, Telégrafos e Similares); ADCAP (Associação dos Profissionais dos Correios); ANIPP (Associação Nacional Independente de Participantes do Postalis); e ANAPOST (Associação Nacional dos Participantes do Postalis).

O Postalis apresentou um estudo inicial da estratégia e ouviu as demandas dos representantes dos participantes. Foi proposta a criação de um grupo de trabalho com representantes das associações e da entidade para estudar e debater as propostas para o equacionamento do déficit e fazer a interlocução entre o Postalis e as entidades representativas. “Essa primeira reunião teve o objetivo de abrir a discussão, afinal são vocês participantes e o patrocinador que são os maiores interessados na estratégia previdencial”, declarou o Paulo Humberto. Nos próximos dias, o Postalis pretende lançar um hotsite sobre a proposta de estratégia previdencial, permitindo que qualquer participante opine sobre o assunto.

 

Valia é eleita uma das melhores empresas para trabalhar no Rio de Janeiro – Pelo segundo ano consecutivo, a Valia entrou para a lista das Melhores Empresas para Trabalhar do Rio de Janeiro, na categoria empresas de médio porte. O ranking é definido pela Great Place to Work, consultoria global que apoia organizações a obter melhores resultados por meio de uma cultura de confiança, alto desempenho e inovação.

A fundação faz parte da lista do GPTW que avaliou junto aos empregados o ambiente de trabalho e aspectos como a oportunidade de crescimento, qualidade de vida, alinhamento de valores, estabilidade, remuneração e benefícios. De acordo com o Great Place to Work, os colaboradores de empresas que fazem parte da lista das Melhores Empresas para Trabalhar geram 61% mais de riqueza per capita para suas organizações. “A excelência é um dos nossos valores e buscamos evoluir também dentro de casa. Queremos proporcionar um ambiente melhor a cada ano aos nossos colaboradores. Aqui, trabalhamos pelo mesmo propósito – é um sentimento compartilhado por todos e acredito que essa seja a principal razão para a boa avaliação da equipe Valia na pesquisa do GPTW”, diz Edécio Brasil, Diretor Superintendente da Valia.

 

Fapes reduz despesas administrativas da previdência – Nos últimos quatro anos, a Fapes viveu um processo de reestruturação e redução de suas despesas administrativas para se equiparar a outras Entidades Fechadas de Previdência Complementar Fechada (EFPCs) do mesmo porte. De 2016 a 2019, a redução dos gastos nas atividades de previdência e saúde foi de 39%. Considerando apenas as despesas previdenciárias, a queda foi de R$ 108,8 milhões para R$ 72,5 milhões no último ano.

Mesmo com o resultado positivo, a relação entre o total de despesas com a previdência e o total dos ativos da entidade é de 0,49%. “Achamos o índice alto e fizemos um estudo comparativo com as Entidades Sistemicamente Importantes do segmento para entender como poderíamos ser mais competitivos”, explica o Diretor Superintendente, Ruy Gomes. O levantamento apontou que os números da Fapes incluem despesas que não são comuns a outras entidades. Entre elas, algumas que têm efeito apenas contábil, ou seja, não são gastos efetivos, mas provisões que constam no balanço. É o caso da Provisão de Créditos de Liquidação Duvidosa, criada pela suspensão dos contratos de dívida de 2002 e 2004 do principal patrocinador, com base em decisão do Tribunal de Contas da União (TCU). 

Além disso, há também a provisão devido ao contrato de confissão de dívida entre a administração da fundação e seu principal plano de benefícios relativo a questões trabalhistas que aguardam a definição da matéria junto aos demais patrocinadores. Uma terceira despesa se refere à assistência médica para ex-funcionários da Fapes que se aposentaram pelo plano de previdência da fundação. Juntas, as três despesas extraordinárias somam R$ 26,8 milhões. Ao considerar somente as despesas gerenciáveis, o indicador entre despesas e total de ativos seria de 0,31%. “É importante expurgar o que não é gerenciável do cálculo para não mergulhar em uma busca por novos cortes até o ponto de enfraquecermos gravemente a governança e a gestão de processos”, ressalta Ruy Gomes.

 

Capef firma parceria com ONG Meu Propósito – A Capef firmou parceria com a ONG Meu Propósito para o Clube de Benefícios, visando dar aos participantes condições especiais para contratação de serviços que envolvem consultorias de finanças pessoais. O objetivo é ajudar na organização das finanças. A Meu Propósito é uma Organização Não Governamental sediada na cidade do Recife (PE) que promove o desenvolvimento econômico, social e cultural sustentáveis, difundidos por meio do fomento à educação financeira.

Giro das Associadas: Petros, Prevcom e Libertas

Justiça aceita pedido e Petros passa a ser assistente do MPF – A Petros tornou-se assistente do Ministério Público Federal (MPF), passando a atuar como coautora em processo de improbidade administrativa movido pelo órgão contra ex-gestores e terceiros (pessoas físicas e pessoas jurídicas) por atos ilegais que causaram prejuízos à fundação.

A ação de improbidade administrativa envolve dois ativos decididos no passado: as Cédulas de Crédito Bancário (CCBs) Providax Participações e V55 Empreendimentos, operacionalizadas pelo Banco BVA. Ambas aquisições são investigadas no âmbito da Operação Greenfield. Na ação para reparação de danos, o MPF pede R$ 825 milhões, e parte desse valor poderá retornar ao patrimônio da Petros.

A Petros passará a participar de forma ativa deste processo, apoiando o MPF com informações e documentos que auxiliem o órgão a sustentar as acusações por improbidade administrativa, e ainda aguarda a decisão da Justiça para também atuar como assistente do MPF nas ações de improbidade administrativa envolvendo outros quatro ativos, também decididos no passado: os Fundos de Investimentos em Participações (FIP) Global Equity, Enseada e Multiner e o Fundo de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC) Trendbank, também alvo de investigações da Polícia Federal.

 

Prevcom realiza evento virtual sobre educação financeira – A Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo (Prevcom) realizará evento virtual no dia 14 de outubro, às 14h30, com o especialista André Medeiros, da DSOP Educação Financeira. Na palestra, os participantes dos planos da entidade aprenderão a identificar o seu verdadeiro padrão de vida e qual estrutura de bens e serviços que garante o conforto pessoal e da família. O objetivo é auxiliar no planejamento de longo prazo.

A palestra virtual promovida em parceria com a DSOP integra o programa de educação financeira e previdenciária Conta Comigo da Prevcom e tem por objetivo auxiliar os servidores a descobrirem o conjunto de elementos que compõem o perfil atual de consumo e a melhor estratégia para manter seu bem-estar e as fontes de receita que o consolidam.

 

Libertas anuncia home office por tempo indeterminado – A Diretoria Executiva anunciou, no dia 28 de setembro, a adoção do home office como regime oficial de trabalho da Libertas, por tempo indeterminado. A decisão foi comunicada a todos os colaboradores na abertura do happy hour virtual em comemoração ao aniversário de 43 anos da Fundação. De acordo com o diretor-presidente Lucas Nóbrega, a decisão reforça os novos rumos em direção à um futuro ágil e cada vez mais moderno. “Isso significa uma mudança muito grande de paradigma para a fundação, um jeito totalmente diferente de trabalhar. Com isso, a gente espera dar mais qualidade de vida para todos os nossos colaboradores”, reforçou Lucas.

O projeto da Diretoria da Libertas é montar um espaço presencial, no estilo coworking, para dar suporte ao trabalho remoto, quando for necessário. A entidade destaca que manterá seu compromisso no atendimento aos participantes por todos os seus canais digitais e, presencialmente, na sede da fundação, assim que possível. Atualmente o time está atendendo apenas em horários agendados aqueles que estão aptos para realizar a migração ao MGSPrev.

Newsletter Abrapp em Foco

Cadastre-se e fique por dentro de tudo que acontece no Grupo Abrapp e em sintonia com os fatos mais relevantes do setor.