Escolha uma Página

Giro das Associadas: Previsc, BB Previdência e FIPECq

Previsc alcança R$ 1,6 bilhão em patrimônio – Após um ano atípico e cheio de desafios para os investimentos de uma forma geral, a Previsc fechou 2020 com um patrimônio de R$ 1,6 bilhão. Além disso, a média de rentabilidade entre seus planos foi de 7,19%. Segundo a entidade, o retorno foi possível pela diversificação de investimentos, além do aproveitamento de oportunidades mesmo em um cenário de crise.

“Alcançar esta marca comprova nossa credibilidade e solidez perante o mercado e demonstra o compromisso assumido com nossos participantes e patrocinadores. É o resultado de um planejamento estratégico criterioso e da gestão responsável dos fundos e carteiras”, diz a Superintendente Regidia Frantz.

O Indústriaprev, plano instituído da entidade, teve também um bom desempenho em 2020, e a entidade fechou convênio para oferecer o plano para nove empresas de Santa Catarina. A entidade, que tem aproximadamente 20 mil participantes, administra o plano de previdência de 39 patrocinadores e quatro instituidores nos segmentos da indústria, comércio e educação que estão localizados nos estados de Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Mato Grosso, Piauí, Ceará, Maranhão, Pará e Amazonas, além do Distrito Federal.

 

BB Previdência conquista selo GPTW – A BB Previdência recebeu o selo Great Place tô Work, que considera a qualidade do ambiente de trabalho e da empresa. O Programa de Certificação GPTW revela o diagnóstico do clima organizacional baseado nos resultados de uma pesquisa realizada com os colaboradores da empresa. O selo é concedido às entidades que atingem 70 pontos (ou mais) nessa avaliação.

O presidente da BB Previdência, Luiz Claudio Batista, destaca o desenvolvimento de novas habilidades e rápida adaptação dos colaboradores à realidade trazida pela pandemia do novo coronavírus em 2020. “A preocupação com a saúde e a manutenção do bem-estar do time da BB Previdência foram essenciais para que continuássemos o nosso trabalho. Mesmo em esquema remoto, nossas operações não sofreram prejuízos, superamos toda a volatilidade que enfrentamos e continuamos atendendo nossos clientes, participantes e assistidos. Isso é reflexo de nossa governança e engajamento dos colaboradores, que perceberam a preocupação da empresa com todos e deram uma resposta muito positiva”.

Para a Diretora de Operações e Relacionamento com os Clientes, Eveline Susin, a certificação também é fruto da relação com as equipes. Segundo Gustavo Lellis, Diretor de Finanças e Investimentos da BB Previdência, a certificação reforça o compromisso da entidade de administrar com responsabilidade os recursos a ela confiados.

 

FIPECq registra rentabilidade positiva em 2020 – A prévia da rentabilidade dos planos de benefícios administrados pela FIPECq Previdência aponta um resultado de 8,44% no Plano de Previdência Complementar (PPC) e de 7,64% no o FIPECqPREV. Segundo a entidade, a rentabilidade dos planos ficou um pouco abaixo da meta atuarial de INPC + 4,5% a.a., dado o impacto da crise financeira em março 2020 e o crescimento inesperado da inflação (INPC) nos últimos dois meses do ano. Ainda assim, a fundação avalia que o resultado mostra a forte recuperação da carteira de investimentos, que em março chegou a apresentar uma rentabilidade negativa superior a 5%, em decorrência, sobretudo, da queda do Ibovespa em 29,90%.

“Apesar de um ano marcado na história por uma das maiores crises financeiras em nível mundial, provocada pelos efeitos da pandemia da Covid-19, o resultado merece ser comemorado, pois mostra a efetividade das medidas de prudência e gestão adotadas pela Diretoria Executiva, Conselho Deliberativo e Comitê de Investimentos durante a crise”, diz a entidade em comunicado.

Giro das Associadas: BB Previdência, Celos e Prevcom

BB Previdência tem novo Diretor Financeiro e de Investimentos – Gustavo Garcia Lellis assumiu a Diretoria Financeiro e de Investimentos da BB Previdência. Com sólida experiência no mercado e mais de 28 anos no Banco do Brasil, Lellis ocupava o cargo de Executivo da Diretoria de Suprimentos, Infraestrutura e Patrimônio (Disec) e atuava como Conselheiro Indicado pelo Banco do Brasil no Comitê BVEP de Assessoramento ao Conselho de Administração do BVEP – BV Empreendimentos e Participações S/A nas decisões de investimentos em empreendimentos imobiliários.

O novo diretor assume a vaga deixada por Adriana Teixeira, que se aposentou. Segundo a entidade, Lellis passa a fazer parte da Diretoria Executiva da BB Previdência em um momento de transformações na entidade. Desde a adequação à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e à Resolução nº 32 do Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC), Lellis auxiliará a BB Previdência tanto no processo de transformação digital quanto na política de investimentos frente ao cenário de oscilações de mercado de 2020.

 

Celos inicia processo de venda de carteira de FIPs e créditos em default – A Fundação Celesc de Seguridade Social – Celos está realizando dois processos competitivos para a venda de cotas de Fundos de Participação – FIPs; e Créditos Privados em default – execução judicial. Os processos visam otimizar a carteira da fundação, abrindo espaço para investimentos em ativos que tragam maior retorno para a entidade.

A Celos informa que já mapeou algumas empresas especializadas nestes dois segmentos e enviará carta convite para verificar interesse em participar do processo. Caso mais alguma empresa especializada nestes segmentos tenha interesse em participar de um dos processos, o interessado deverá requerer ao e-mail dvgi@celos.com.br sua inclusão até a data de 15/01/2021.

 

Política de Investimento da Prevcom estabelece diretrizes e metas de retorno para 2021 – A Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo (Prevcom) definiu as diretrizes e os parâmetros que devem regular a gestão dos recursos dos planos de benefícios administrados pela entidade. Os procedimentos, critérios, projeções macroeconômicas e metas de retorno, entre outros itens, constam da Política de Investimento aprovada pela instituição que permanecerá em vigor de janeiro a dezembro de 2021.

O documento está disponível no site da entidade e contém os princípios e normas que irão nortear as ações que serão desenvolvidas durante este período, balizando as decisões de conselheiros, diretores, administradores fiduciários, gestores de carteiras e órgãos de regulação e supervisão. O objetivo geral de rentabilidade da Prevcom permanece fixado no correspondente à variação do IPCA mais 4%.

Newsletter Abrapp em Foco

Cadastre-se e fique por dentro de tudo que acontece no Grupo Abrapp e em sintonia com os fatos mais relevantes do setor.