Escolha uma Página

Abrapp apoia eventos do Fórum de Equidade e Diversidade das EFPCs em defesa de maior diversidade e sociedade mais justa

O Fórum de Equidade e Diversidade das Entidades Fechadas de Previdência Complementar realizou ação conjunta em homenagem à Campanha Internacional 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher com a realização de dois webinars. Os eventos foram realizados em modo 100% virtual e gratuito, apoiados pela Abrapp. As entidades envolvidas nos eventos são: Eletros, Fachesf, Funcef, Fusan, Infraprev, Petros, Previ, Real Grandeza e Serpros.

O Diretor Presidente da Abrapp, Luís Ricardo Martins, fez a abertura oficial dos dois webinars, cujo objetivo principal foi abrir um canal de diálogo sobre a necessidade de construção de uma sociedade que preze pela equidade e valorização da diversidade em suas variadas expressões.

Com o tema “Consciência Negra e Direitos Humanos”, o evento online realizado no dia 4 de dezembro levou ao público importante debate com os palestrantes Adriane Gonçalves, Delegada de Polícia e Professora da Acadepol de SP; Raphael Vicente, Coordenador da Universidade Zumbi dos Palmares; Alexandre Barrenco, Mestre em Direito Constitucional na EMERJ; e Humberto Adami, Presidente da Comissão Nacional da Verdade da Escravidão Negra.

“Temos apoiado e participado dessas atividades pela questão da mulher e também pela Consciência Negra e os Direitos Humanos. São questões que estão inseridas nos princípios sociais do ASG, de grande importância para a Abrapp. Gostaria de parabenizar a atuação pioneira do Fórum e das entidades envolvidas”, complementou Luís Ricardo.

Já o webinar do dia 10 de dezembro foi promovido com o tema “Pelo fim da violência contra a mulher e o combate à disseminação do HIV e outras DSTs”, e contou com Maria Matilde Alonso Ciorciari, Defensora Pública; Adriane Gonçalves – Delegada de Polícia e Professora da Acadepol de SP; Renato Faria – Médico Urologista especialista em DST; Cristiane Fiaux, Psicóloga Clínica especialista sistêmica de Família e de Casal; e Sirley Vieira, da Coordenação colegiada do Instituto Papai – Homens contra todas as expressões do machismo.

“Gostaria de parabenizar o Fórum de Equidade e Diversidade pela iniciativa do webinar de combate à violência contra a mulher. Nós da Abrapp defendemos a maior diversidade de gênero no sistema na construção de uma sociedade mais justa”, disse Luís Ricardo Martins.

Os eventos contaram com a participação de dirigentes das entidades envolvidas no projeto e os mesmos fizeram pronunciamentos sobre o tema e programas e ações desenvolvidos em suas EFPCs em prol da equidade e respeito à diversidade de gênero e raça, e direitos humanos.

Fórum – O Fórum de Equidade e Diversidade das EFPC foi criado em 2011 e é coordenado pela Real Grandeza desde 2017, tendo como Coordenadora Raquel Castelpoggi, que também coordena o Comitê de Sustentabilidade da Abrapp. “Reunimos nove EFPC para realização desses eventos e todas divulgaram os webinars em suas redes sociais, o que é muito relevante para sensibilização e conscientização, pois nossos participantes, assistidos e beneficiários tomaram ciência do posicionamento das entidades da qual fazem parte a respeito dos temas abordados”, diz Raquel.

Entre os objetivos do Fórum está dar ciência do compromisso com o avanço da promoção da igualdade de direitos e inclusão da diversidade no mundo do trabalho; divulgar as empresas investidas e fornecedores do compromisso das entidades com o avanço da igualdade e inclusão no mundo do trabalho, no que se refere às questões de gênero e raça; e incentivar a participação nos Princípios de Empoderamento das Mulheres – ONU Mulheres.

Dentre as ações conjuntas realizadas anteriormente pelo Fórum, Raquel destaca um encontro direcionado às empresas investidas das entidades integrantes do Fórum em 2013; encontro com fornecedores e prestadores de serviços das entidades em 2015; guia de melhores práticas de equidade de gênero e raça das EFPC elaborado em 2017 pela parceria entre o Fórum de Equidade e Diversidade das EFPC e o Comitê de Sustentabilidade Abrapp.

Sobre a campanha – Os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres é uma campanha anual e internacional que começa no dia 25 de novembro, com o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres, e vai até 10 de dezembro, que é o Dia Internacional dos Direitos Humanos. No Brasil, a mobilização abrange o período de 20 de novembro a 10 de dezembro.

A iniciativa é de ativistas no Instituto de Liderança Global das Mulheres, em 1991, e continua a ser coordenada anualmente pelo Centro para Liderança Global das Mulheres, sendo uma estratégia de mobilização de indivíduos e organizações, em todo o mundo, para engajamento na prevenção e na eliminação da violência contra as mulheres e meninas.

Em apoio a esta iniciativa da sociedade civil, a campanha do Secretário-Geral da ONU “UNA-SE pelo fim da violência contra as mulheres até 2030” pede ações globais para aumentar a conscientização, estimular os esforços de defesa e compartilhar conhecimentos e inovações. Tem liderança do secretário-geral da ONU.

Fundações realizam debate sobre Consciência Negra e Direitos Humanos

Fundações realizam debate sobre Consciência Negra e Direitos Humanos

Na próxima sexta-feira, 4 de dezembro, a partir das 16h30, o Fórum de Equidade e Diversidade das Entidades Fechadas de Previdência Complementar promoverá o webinar “Consciência Negra e Direitos Humanos”. O Diretor Presidente da Abrapp, Luís Ricardo Martins, fará a abertura oficial do evento, cujo principal objetivo é abrir um canal de diálogo sobre a necessidade de construção de uma sociedade que preze pela equidade e valorização da diversidade em suas variadas expressões.

O encontro será realizado de modo 100% virtual e faz parte da campanha “21 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher e Consciência Negra”. Os palestrantes presentes no evento serão: Raphael Vicente, Coordenador da Universidade Zumbi dos Palmares; Alexandre Barenco Ribeiro, Mestre em Direito Constitucional na EMERJ; Humberto Adami, Presidente da Comissão Nacional da Verdade da Escravidão Negra; e Adriane Gonçalves, Delegada de Polícia.

Para participar, basta se inscrever gratuitamente por meio deste link.

O Fórum de Equidade e Diversidade das Entidades Fechadas de Previdência Complementar é atualmente representado por: Economus, Eletros, Fachesf, Funcef, Fusan, Infraprev, Petros, Previ, Real Grandeza e Serpros.

Newsletter Abrapp em Foco

Cadastre-se e fique por dentro de tudo que acontece no Grupo Abrapp e em sintonia com os fatos mais relevantes do setor.