Escolha uma Página

Giro das Associadas: Mais Futuro, Fundação Copel e Funpresp-Jud

por | ago 14, 2020 | Blog

Mais Futuro realiza prova de vida totalmente digital – Com o objetivo de simplificar as interações com os participantes, a Mais Futuro passará a fazer o processo de prova de vida em formato totalmente digital. O processo será realizado via aplicativo, que faz o reconhecimento facial e, após o cadastro e coleta da imagem e do documento do participante aposentado, a essas imagens serão comparadas com as bases de bancos de dados oficiais.

A prova de vida é rotina essencial para verificação da regularidade dos benefícios pagos pelo Fundo de Previdência Mais Futuro, bem como para assegurar que eventual reserva será corretamente destinada aos beneficiários indicados na hipótese de falecimento do titular. O processo digital visa levar segurança para o cliente do Mais Futuro em um momento de pandemia da COVID-19. Veja o vídeo explicativo sobre como funciona o aplicativo.

Diretor Financeiro da Fundação Copel fala sobre impactos da crise nos investimentos – Em vídeo, o Diretor Financeiro da Fundação Copel, José Carlos Lakoski, informa aos participantes que, passado alguns meses do início da crise de COVID-19, os impactos decorrentes em relação aos investimentos da entidade foram pequenos e pontuais. “Ao encerrarmos o nosso balanço de julho, é possível verificar e evidenciar que já voltamos aos patamares de investimentos e de patrimônio anteriores ao início dessa crise”, disse.

Os planos já apresentam rentabilidade positiva, informa Lakoski, e o pagamento de benefícios aos assistidos está garantido. Os planos ainda em capitalização foram mais impactados, diz o Diretor, chegando a rentabilidades negativas, já que a carteira desses planos possuem mais risco. “Contudo, o fechamento de julho já aponta para um equilíbrio equivalente aos valores anteriores a crise”, destaca. Assista ao vídeo completo aqui.

Funpresp-Jud obtém o segundo melhor retorno mensal de investimentos – A Funpresp-Jud divulgou seus resultados referentes ao mês de julho. O Plano de Benefícios (PB) obteve retorno de 2,61% em termos nominais e 2,24% em termos reais, tendo sido o segundo melhor retorno mensal da história da fundação, superando o resultado de junho, segundo comunicado. A rentabilidade contribuiu para manter o resultado do ano em terreno positivo, 3,32% em termos nominais e 2,84% em termos reais, superando o benchmark do plano para o período, de 2,85% em termos nominais e 2,38% em termos reais.

No mês de julho, a Funpresp-Jud atingiu o patamar de R$ 1 bilhão de patrimônio total gerido, incluindo os recursos do Plano de Benefícios (PB) e do Plano de Gestão Administrativa (PGA). Ainda em julho, a fundação alcançou a marca de 20 mil participantes. Para a Diretoria de Investimentos, apesar dos sinais promissores de retomada da atividade nas principais economias e de alguma moderação na volatilidade dos ativos financeiros, o ambiente para as economias emergentes permanece desafiador. Dessa forma, o momento ainda é de incerteza e cautela.

Newsletter Abrapp em Foco

Cadastre-se e fique por dentro de tudo que acontece no Grupo Abrapp e em sintonia com os fatos mais relevantes do setor.

Shares
Share This