Escolha uma Página

41º CBPP: Conheça o conteúdo das Palestras Técnicas

por | nov 9, 2020 | Blog

O 41º Congresso Brasileiro de Previdência Privada acontecerá nos dias 16 a 19 de novembro, pela primeira vez em formato 100% online e ao vivo, com programação de manhã, à tarde e à noite. Neste link você pode acessar matéria explicativa sobre como será a dinâmica geral do evento. Pela manhã, entre 9h e 12h45, e no início da noite, das 19h às 19h45, acontecerão as Palestras Técnicas. Clique aqui para acessar a agenda no hotsite do 41º CBPP e planeje com antecedência a sua participação, pois não haverá gravação das palestras.

Dia 16/11 – No primeiro dia de Congresso, logo pela manhã, a partir das 9h, acontecerá a primeira Palestra Técnica, com o título “A importância para uma entidade de Previdência Complementar de se diversificar no exterior”. A palestra com Roberto Teperman, Head of Sales da LeggMason, irá abordar a importância para as EFPCs de se diversificar no exterior como uma alternativa para queda das taxas de juros no mercado brasileiro, com exemplos do que seria uma carteira bem diversificada, utilizando-se ativos no exterior através de exemplos práticos e também comparativos entre benchmarks e classe de ativos locais e internacionais.

Ainda pela manhã, a Palestra Técnica 2 abordará “A diferença entre pesquisa e estratégia na gestão de fundos de investimento”, com Rodrigo Terni, Sócio-fundador e Co-CEO da Giant Steps Capital, que discutirá o impacto que a tecnologia pode ter nas etapas de pesquisa e desenvolvimento de estratégias de gestores. A ideia é trazer o tema de forma simples para que todos os participantes entendam as transformações que a indústria está passando e como isso afeta as estratégias como um todo.

Já a Palestra Técnica 3 terá o tema “Renda Fixa | Como agregar valor em um mundo de juros baixos”, abordando o cenário de taxas de juros nas mínimas históricas e o questionamento sobre como gestores devem navegar seus portfólios nessa nova realidade. Será discutido neste painel quais estratégias na renda fixa têm grande potencial de agregar valor para a carteira das EFPCs. Os palestrantes são Fausto Silva Filho, CIO e Gestor de Renda Fixa da XP Asset Management; Guilherme Nascimento, Head Fundos de Pensão da XP Investimentos; Marco Aurélio Freire, Sócio e Gestor dos Fundos Líquidos da Kinea.

A Palestra Técnica 4 abordará um tema relevante para a atualidade: “O que o PIX traz de mudança no mercado de Previdência”, com Edson Fonseca, Diretor de Desenvolvimento de Negócios Digitais da Sinqia, como palestrante, encerrando a programação de apresentações na parte da manhã do Congresso. O Pix proporciona novas oportunidades para as entidades, como as transações de operações por meio de contas digitais e pagamentos oferecidos aos seus clientes participantes. A palestra da Sinqia tem como objetivo mostrar as oportunidades, benefícios e impactos que os pagamentos instantâneos trarão ao sistema.

Já a partir das 19h, a Palestra Técnica 5 falará sobre “Investimentos ESG na Prática”. A SulAmérica Investimentos promoverá o bate-papo sobre as iniciativas na gestão de recursos relacionados à cultura ambiental, social e de governança e como as empresas podem contribuir para o desenvolvimento da sociedade junto às organizações não governamentais. Participarão do painel Juan Morales, Superintendente de Renda Variável da SulAmérica Investimentos; Marcelo Mello, Vice-presidente de Investimentos, Vida e Previdência da SulAmérica; e Sylvia Guimarães, Co-fundadora e Presidente da Vaga Lume.

Dia 17/11 – O segundo dia de Congresso continua com programação a todo vapor a partir das 9h, com a Palestra Técnica 6 abordando “Por que diversificar recursos globalmente?”, debatendo as oportunidades de investimento fora do Brasil, que representam 99% do total de ativos globais, e os benefícios e a experiência de se investir internacionalmente, quebrando alguns paradigmas como a variação cambial, aumento de risco na carteira e potenciais retornos. O painel terá participação de Alexandre Mathias, Diretor de Investimentos da Petros; Carlos Massaru Takahashi, Presidente da BlackRock Brasil; José Carlos S. Chedeak, Diretor de Orientação Técnica e Normas da Previc; e Walter Mendes, Presidente da Vivest.

A Palestra Técnica 7 falará sobre “A construção de Fundo de Fundos utilizando um FIA como consolidador”, sendo os fundos de fundos uma das alternativas para o aumento da exposição à renda variável através, oferecendo diversificação para o investidor. Fernando Lovisotto, CIO da Vinci Partners, e Marcelo Rabbat, Sócio responsável pela área de Distribuição Institucional da Vinci Partners, serão os palestrantes.

Abordando o tema “Descobrindo o potencial dos investimentos no exterior”, Laura Seabra, Analista do BTG Pactual, e Phylipe Corsini, Associate Partner do BTG Pactual, serão os palestrantes da Palestra Técnica 8, que irá explorar o potencial dos investimentos no exterior e as estratégias globais que destacam a importância da diversificação como alternativa para capturar retornos sustentáveis de longo prazo.

“As oportunidades capturadas no setor de Infraestrutura a partir da análise minuciosa em renda variável” é o tema da Palestra Técnica 9, que abordará o processo de investimentos da Perfin Asset na economia real. A Perfin Asset possui gestão de fundos de ações e fundos de infraestrutura direcionados para o setor de energia, especialmente para transmissão, geração eólica e geração solar distribuída. Alexandre Sabanai, Gestor dos Fundos de Ações da Perfin Asset, e Ralph Rosenberg, Sócio-fundador da Perfin Asset, serão os palestrantes.

No final do dia, às 19h, ocorre a Palestra Técnica 10 com o tema “Desigualdade Corporativa e Oportunidades de Investimentos”, comandada por Alexandre Paixão Silvério, CIO da AZ Quest, abordando o cenário macroeconômico no Brasil e no mundo e a perspectiva do mercado de ações brasileiro, identificando os principais temas de investimento nesse mercado. Nesse contexto, a palestra buscará analisar os impactos nos diferentes setores e como as empresas estão se adaptando para se beneficiar desse ambiente de negócios desafiador.

Dia 18/11 – Diversificação de investimentos segue sendo um tema central de debate no terceiro dia de Congresso, com a Palestra Técnica 11 abordado “Um caso real de diversificação de investimentos: qual a melhor escolha? Você decide!”. Nesta palestra, Guilherme Gazzoni; João Morais; Martyn James; e Maurício Martinelli, líderes da Mercer, falarão sobre um caso real de diversificação, no qual uma entidade terá três escolhas de caminhos a seguir para seus investimentos.

A Palestra Técnica 12 tratará de “Investimentos globais: um olhar além do curto prazo e as verdades inescapáveis para os investidores”, falando sobre as principais forças disruptivas que afetarão o mundo de investimentos e a realidade dos investidores globalmente. Charles Prideaux, Global Head of Investment da Schroders, e Daniel Celano, Country Head Schroders Brasil, discutirão como navegar esse ambiente no longo prazo, com foco em diversificação, soluções e gestão ativa para os investidores institucionais.

“ESG: Um gerador de alfa para portfólios de alta convicção” será o tema da Palestra Técnica 13, abordando os diferentes métodos empregados na implementação das estratégias com ações ESG. Na ocasião, Andrei Kiselev, Investment Manager da Aegon Asset Management, Iain Snedden, Investment Specialist da Aegon Asset Management, e Luiz Fernando Cruz, Especialista da Área de Distribuição da MAG Investimentos, apresentarão pesquisa acadêmica demonstrando o valor de incorporar ESG; falarão sobre a importância de realizar suas próprias pesquisas, ao invés de seguir as avaliações de terceiros; e levarão um case de uma estrutura sugerida para incorporar a análise ESG na seleção de ações.

A Palestra Técnica 14 falará sobre “W-ESG, uma abordagem alternativa”, apresentando um novo conceito de estratégia de investimento ESG. Desenvolvida pelo time de Investment Solutions da Franklin Templeton, essa nova abordagem foca no papel das mulheres na empresas e o seu impacto nos resultados. A palestra será conduzida por Berkeley Revenaugh, Senior Client Portfolio Manager da Franklin Templeton Investment Solutions.

No fim do dia, às 18h15, a Palestra Técnica 15 abordará “Investimentos no exterior – oportunidades de diversificação”, tratando do atual cenário econômico no Brasil, que requer cada vez mais que os investidores diversifiquem seus investimentos, sendo uma das alternativas o investimento no exterior, onde é possível acessar fundos e veículos de investimento de diferentes gestores do mercado e investir em diferentes regiões, setores e empresas que não estão disponíveis no mercado brasileiro. Daniel Castro, Portfolio Manager da Santander Asset Management, será o palestrante.

Já às 19h, ocorrerá a Palestra Técnica 16 com o IRB Brasil RE com Antonio Cássio dos Santos, Presidente e Chairman IRB Brasil RE.

Dia 19/11 – O último ainda de Congresso ainda contará com três apresentações técnicas na parte da manhã. A Palestra Técnica 17 tratará do tema “Safra atual IPOs & Investimentos em Tech e abordagem ESG”, com destaque para a nova safra de Ofertas de Ações (IPOs) das empresas brasileiras versus o boom de ofertas do passado (2004 a 2012), além do surgimento e consolidação do setor de tecnologia no Brasil como opção de investimento entre as empresas listadas e a abordagem ESG feita pelas empresas e investidores. O palestrante será André Carvalhaes Ribeiro, Sócio da Brasil Capital.

A Palestra Técnica 18 será sobre “B3 facilitando a gestão dos investimentos para as EFPC”, com Felipe Gonçalves Gerente de Produtos de Juros da B3; Guilherme de Souza Pimentel; Superintendente da B3; e Paulo Wilson Sangali Silva, Analista de Produtos da B3.

Já a Palestra Técnica 19 falará sobre “Diversificação global: essencial para seus resultados”, enfatizando o quanto o mercado internacional potencializa as oportunidades de diversificação e diminui o risco das carteiras. Gabriela Santos, Isabella Nunes e Maria Rossi, do J.P. Morgan Asset Management, comandarão a apresentação

A última Palestra Técnica do 41º CBPP ocorre a partir das 12h, com o tema “Perspectivas e oportunidades dos fundos multimercado para as fundações” e participação de Aroldo Medeiros, Diretor Comercial e de Produtos da BB DTVM; Marcelo Arnosti, Head de Gestão de Fundos Multimercados, Ações e Offshore da BB DTVM; Marcelo Pacheco, Diretor de Gestão de Ativos da BB DTVM; e Renata Cypreste, Head Comercial da BB DTVM.

Pontuação dobrada e instruções de acesso – Fique por dentro de tudo que acontecerá no Congresso e garanta sua vaga. A participação do congressista no 41º CBPP renderá 18 pontos ou pontuação dobrada para quem participar de pelo menos 70% da programação do evento no Programa de Educação Continuada do ICSS. O certificado será emitido em nome da pessoa física que fez a inscrição no Congresso. 

Oportunidade única – As apresentações e palestras do Congresso acontecerão em formato ao vivo, portanto não haverá gravação disponibilizada posteriormente. Programe-se com antecedência para aproveitar o melhor do conteúdo!

Ainda não fez sua inscrição? Clique aqui para garantir sua vaga com preço de 3º lote e descontos especiais para grupos!

Newsletter Abrapp em Foco

Cadastre-se e fique por dentro de tudo que acontece no Grupo Abrapp e em sintonia com os fatos mais relevantes do setor.

Shares
Share This