Escolha uma Página
Artigo: Longevidade e Previdência – *Por Danielle Cristine da Silva

Artigo: Longevidade e Previdência – *Por Danielle Cristine da Silva

A expectativa de vida no Brasil e no mundo vem aumentando ano após ano. Já é senso comum que, neste contexto, a longevidade esteja diretamente relacionada ao avanço tecnológico, à melhoria das políticas de saúde e às significativas mudanças de comportamento das novas gerações que têm como foco a alimentação saudável, a prática de exercícios físicos e o cuidado com o meio ambiente.

Segundo o IBGE, a esperança de vida ao nascer no Rio Grande do Sul passou de 72,4 em 2000 para 78,3 em 2018. Se compararmos com a expectativa de vida da década de 40, estaremos falando de mais de 30 anos de vida a mais.

Entretanto, esta evolução na expectativa de vida dos gaúchos, ao mesmo tempo em que entusiasma, aumenta a responsabilidade e os esforços necessários para que este tempo a mais de vida seja vivido com mais qualidade.

O cenário de uma vida mais longeva exige cada vez mais das políticas públicas de saúde promovidas pelos entes federativos (União, Estados e Municípios) e se constitui como um grande desafio para a previdência social: pública e privada. Mas quero chamar atenção para um aspecto: os esforços não podem ser exclusivamente destes agentes, e é necessário que o próprio beneficiário desta vida longa seja previdente e o maior responsável pela busca de seu futuro confortável.

Portanto, pensar, planejar e efetivamente agir em prol da acumulação de uma reserva financeira que assegurará uma aposentadoria digna e suficiente é o caminho ideal para quem se preocupa e quer viver bem por muitos anos. Logo, é necessário iniciar o quanto antes a prática de “reservar”, sendo uma boa opção para isto a adesão a uma previdência complementar, pois, assim como o desejo de se ter longevidade com uma boa saúde física e mental exige muito empenho, fazer uma reserva financeira por meio de uma previdência complementar exige atitude e urgência.

Viveremos mais tempo do que viveram nossos antepassados! Para que este tempo a mais seja bem aproveitado, agora é a hora de prepararmos nossas reservas financeiras!

*Danielle Cristine da Silva é servidora pública do estado do RS e Diretora-Presidente da Fundação RS-Prev

Previc aprova primeiro convênio de adesão de município com a RS-Prev

Previc aprova primeiro convênio de adesão de município com a RS-Prev

A Previc aprovou o convênio de adesão firmado entre o município de Não-Me-Toque e a RS-Prev para oferta do plano de benefícios RS-Municípios aos servidores da cidade gaúcha no último dia 22 de dezembro.

“A aprovação do convênio com Não-Me-Toque tem um significado muito importante para nossa fundação, pois é o primeiro passo concreto do relacionamento e das parcerias que a RS-Prev quer ter junto às gestões municipais. Não-Me-Toque foi pioneiro na aprovação da sua lei de instituição do regime de Previdência Complementar, tornando-se um exemplo a ser seguido por outras administrações municipais”, explica Danielle Cristine da Silva, Diretora Presidente da RS-Prev.

O RS-Municípios é um plano de benefícios voltado aos servidores municipais gaúchos. É multipatrocinado, ou seja, foi criado para abrigar vários municípios em uma mesma estrutura. Trata-se, portanto, de uma alternativa viável para os municípios gaúchos que têm a obrigação de instituírem os seus regimes de previdência complementar (RPC) até novembro de 2021, conforme estabeleceu a Emenda Constitucional nº 103 de 2019.

O objetivo da RS-Prev ao trabalhar com o Plano RS-Municípios é promover o fomento da previdência complementar junto às administrações municipais que, por questões de escala, não teriam condições de criar suas entidades ou planos próprios para administração da previdência complementar. “Neste contexto, como a RS-Prev já está criada, vem operando e acumula expertise no complexo e atual tema da previdência complementar para o servidor público, ela se coloca como uma facilitadora aos municípios”, finaliza a Diretora Presidente.

Newsletter Abrapp em Foco

Cadastre-se e fique por dentro de tudo que acontece no Grupo Abrapp e em sintonia com os fatos mais relevantes do setor.