Escolha uma Página

Giro das Associadas: Fundação Elos, BB Previdência e Prevcom

Fundação Elos lança nova marca – O time da Fundação Elos iniciou ainda em 2019 um trabalho de imersão e autoconhecimento em relação aos valores, práticas e desenhamos estratégias coerentes com sua missão para atingir os objetivos da organização. Esse foi o início do projeto de evolução de marca, desenvolvido em parceria com o Yepá Estúdio, consultoria especializada em Branding e Design.

Toda a equipe de colaboradores e a governança da entidade foi envolvida neste processo. Aliado aos workshops de imersão, foi realizada uma ampla pesquisa de mercado, que extrapolou o segmento de previdência complementar e analisou outros agentes, tendências, formas de entrega de produtos financeiros e públicos. “Com todos os materiais de pesquisa em mãos, a diretoria e os gestores envolvidos definiram entre alguns caminhos possíveis, o posicionamento de marca que projeta os nossos objetivos futuros e mais importante do que isso, que representa a nossa essência”, diz comunicado da Elos.

O posicionamento, a proposta de nova identidade visual e verbal da marca foi apresentada e aprovada pelo Conselho Deliberativo em junho deste ano. Com o sinal verde, a entidade partiu para execução das outras etapas decorrentes, entre elas, o desenvolvimento do novo site. “Conseguimos fechar este ano de 2020, mesmo em meio a tantos obstáculos impostos pela pandemia, com o projeto de branding da ELOS finalizado e executado, inclusive com o novo site, lançado nesta semana. A evolução da marca Elos é uma alavanca que nos deixa mais próximos da excelência na entrega dos nossos produtos e serviços e na comunicação com nossos públicos”, ressalta Ezequias Candido de Paula, Diretor Superintendente da Elos. Clique aqui para assistir ao vídeo de lançamento da nova marca.

 

BB Previdência reforça estratégia de relacionamento – Estreitar o relacionamento com assistidos, participantes, patrocinadores e instituidores foi uma das principais metas da da BB Previdência em 2020. “Além da responsabilidade e diligência na gestão dos investimentos, adequação às normas, leis e instruções normativas previstas para este ano, o relacionamento com nossos clientes foi peça fundamental para os resultados positivos alcançados neste ano”, disse a organização através de nota.

Neste ano, a BB Previdência deu continuidade ao trabalho de aproximação de todo o seu público com o reforço das orientações e melhores práticas dispostas na Resolução nº 32, do Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC), conhecida como a norma da transparência e que entra em vigor dia 31 de dezembro. Por meio desse documento, o órgão elencou procedimentos que deveriam ser observados para a divulgação de informações para os Participantes e Assistidos das entidades fechadas de previdência complementar.

Para a Diretora de Operações e Relacionamento com Clientes, Eveline Franco Veloso Susin, o processo foi fundamental tanto para conhecer e aproximar o público quanto para torná-lo parte atuante na entidade. “Reformulamos os sites para cada plano, investimos na segurança das informações e nos adequamos à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Ainda por conta da pandemia, transformamos o escopo de nossos eventos e passamos a realizá-los online”.

A dirigente explicou que a BB Previdência tem um importante desafio pela frente que é de levar ao participante, ainda na fase de acumulação de sua poupança previdenciária, informações que permitam um planejamento efetivo de sua aposentadoria, assumindo maior protagonismo.

Em relação à LGPD, o Diretor Presidente da BB Previdência, Luiz Claudio Batista, defendeu a necessidade do aculturamento e pontuou as ações da entidade para capacitar os funcionários. “Nossos clientes são a alma da BB Previdência. Por isso, o cuidado com as informações sobre nossos planos, dados pessoais ou de qualquer outra especificidade é essencial. Reafirmo nosso compromisso de zelar sempre pelas melhores práticas em relação à proteção desses dados”, afirmou Batista.

Mesmo antes da pandemia do novo coronavírus no mundo, a BB Previdência já trabalhava pautada pelas transformações digitais. Este processo ganhou força neste ano, acompanhado pelo lançamento de novos projetos. O esforço para que essa transformação pudesse ser realizada de forma ágil e clara foi definido pela Superintendência de Operações e Relacionamento com Clientes Ana Cristina de Vasconcelos como “interesse genuíno no futuro dos participantes”.

“Nossos canais de atendimento e todas as nossas equipes estão sob a ótica da prestação de serviços com qualidade e responsabilidade. Nossos investimentos no digital reforçaram o atendimento humanizado da BB Previdência e, aliados as nossas redes sociais, permitiram a abertura de um canal de comunicação mais efetivo com nossos clientes e 2021 vem aí com mais novidades”, disse Ana Cristina.

 

Prevcom recebe R$ 3,79 milhões em aportes extras dos participantes – Os servidores vinculados à Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo (Prevcom) aportaram às suas contas individuais R$ 3,79 milhões de janeiro a novembro que poderão ser utilizados para deduzir até 12% da renda tributável na próxima declaração. Este montante de contribuições voluntárias tende a crescer em dezembro com a entrada da renda extra do 13º salário que permite reforçar a reserva para a aposentadoria e aproveitar o benefício fiscal na hora de prestar contas à Receita Federal.

A vantagem é dupla para os funcionários com salários acima do valor máximo definido pelo INSS de R$ 6.101,06, que recebem contrapartida de até 7,5% do governo estadual. O montante correspondente ao percentual que incide sobre a diferença entre a remuneração e o teto também pode ser deduzido da renda bruta anual do Imposto de Renda, além dos 12%.

Giro das Associadas: Fapes, Funpresp-Jud e Prevcom

Fapes inicia processo eleitoral para Conselhos Deliberativo e Fiscal – O Processo Eleitoral 2021 da Fapes ocorrerá por meio de votação eletrônica para o preenchimento de uma vaga no Conselho Deliberativo, reservada a um representante de participantes, e uma vaga no Conselho Fiscal, reservada aos candidatos que são assistidos.

Serão eleitas duas chapas para cumprir mandato de quatro anos, entre abril de 2021 e abril de 2025. Todos os participantes poderão votar para o preenchimento das vagas existentes nos dois conselhos, independentemente da vaga ser destinada a candidato participante ou a candidato assistido.

O resultado será divulgado no dia 12 de março de 2021. Acesse aqui o calendário completo do sistema eleitoral.

 

Funpresp-Jud recebe Lucas Nóbrega para falar sobre perfis de investimentos – Lucas Nóbrega, Diretor-Presidente da Fundação Libertas, participou de live realizada no dia 9 de dezembro para toda a equipe da Funpresp-Jud abordando o tema de “Perfis de Investimentos”. O evento encerrou a programação do “Ciclo de Palestras” da fundação neste ano.

A abertura do evento foi realizada pelo Diretor de Administração, Marco Antônio Martins Garcia, e a mediação ficou por conta da Gerente de Comunicação e Marketing, Paolla Dantas. O tema foi escolhido em razão da Funpresp-Jud estar se preparando para oferecer aos seus participantes, provavelmente a partir do segundo semestre de 2021, perfis de investimento baseados no modelo Ciclo de Vida e Fundo Data Alvo, que considera a data de aposentadoria provável do participante e não a idade dele.

Lucas esteve à frente do processo de alteração dos perfis oferecidos pela PreviBayer, na ocasião em que foi Diretor-Superintendente daquela entidade e atualmente trabalha para implantar os perfis de investimento na Fundação Libertas. Para Lucas, a implantação dos perfis de investimento passa por uma comunicação assertiva, que garanta o entendimento do risco por todos os stakeholders, em especial os participantes, e pela opção default. “A previdência precisa ser confiável, clara, simples, flexível, rentável, sólida e atraente para o participante”, destacou.

 

Prevcom realiza evento com especialista em educação financeira – Um workshop virtual foi realizado para participantes da Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo (Prevcom) abordando a preparação do orçamento para 2021 com a economista Juliana Barbosa. O workshop online da Prevcom integra o programa Conta Comigo de educação financeira e foi desenvolvido pela entidade em parceria da DSOP.

Segundo Juliana, uma das dicas para esse planejamento é começar pela análise do passado. Ela apontou que o levantamento da movimentação de receitas e gastos do período anterior fornece elementos para que se faça uma “faxina” nas finanças e avalie se quer repetir 2020 ou fazer tudo diferente em 2021.

Para a economista, o mapeamento é um instrumento de análise que deve ser feito periodicamente para que as pessoas possam visualizar sua situação financeira, tomar decisões e construir seu projeto de vida. Com base neste rastreamento é possível refletir sobre os gastos, enumerar o que foi feito, o que falta realizar e descobrir se sua renda está equilibrada ou corroída pelas prestações.

Giro das Associadas: Fusan, Funpresp-Jud e Serpros

Fusan participa de webinar sobre Consciência Negra – A Fusan foi uma das entidades que participou, na semana passada, do webinar “Consciência Negra e Direitos Humanos” promovido pelo Fórum de Equidade e Diversidade das Entidades Fechadas de Previdência Complementar. O encontro virtual fez parte da campanha “21 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher e Consciência Negra”.

Durante o evento as entidades trataram a necessidade de promover um ambiente de trabalho que retrate a equidade. Na abertura, o Diretor-Presidente da Abrapp, Luís Ricardo Martins, abordou a importância de discutir meios para que a sociedade preze pela equidade e pela valorização da diversidade.

Os palestrantes abordaram também, ao longo do webinar, a necessidade de inclusão de pessoas negras nas mais diversas esferas da sociedade, destacando que a população brasileira é composta em sua maioria por negros, porém a representatividade não é presente nas empresas privadas e em órgãos públicos.

Cláudia Trindade, Diretora-Presidente da Fusan, destacou a importância de se tratar o racismo e a equidade de gênero, não só por meio da abertura de vagas, mas promovendo também a equidade de oportunidades para todos, desde a admissão até a ascensão de carreira. 

 

Funpresp-Jud publica vídeo sobre contribuições facultativas – A Funpresp-Jud publicou um vídeo em seu canal no YouTube explicando como os participantes podem realizar contribuições facultativas esporádicas. Até o dia 22 de dezembro, o participante poderá realizar as contribuições facultativas ao plano JusMP-Prev, em valores a partir de 2,5% da remuneração de participação, livres de taxa de carregamento. O limite anual é de 12% da renda bruta anual tributável.

Para quem utiliza o modelo completo da Declaração de Imposto de Renda, as contribuições facultativas possibilitam obter o máximo de dedução no IRPF, ou seja, de até 12% sobre as contribuições facultativas, além de até 8,5% sobre as contribuições patrocinadas. Isso quer dizer que a previdência complementar pode garantir a dedução de até 20,5% no IRPF 2021. 

 

Serpros promove live da Diretoria com Presidente da Fundação Família – O Serpros realizou live com a Diretoria com a participação do presidente da Fundação Família Previdência Rodrigo Sisnandes Pereira, que também é Diretor da Abrapp. Entre os assuntos abordados esteve a privatização da CEEE e a expansão da entidade, que hoje administra 12 planos de previdência, incluindo um plano família, ainda que a maioria do patrimônio da fundação esteja concentrado no plano patrocinado da CEEE. Assista à live completa aqui

Giro das Associadas: Libertas, Fusan e Prevcom

Libertas explica funcionamento de home office – A Diretoria Executiva da Fundação Libertas anunciou, no dia 28 de setembro, a adoção do teletrabalho como regime permanente e oficial da entidade. Neste primeiro momento, para manter o distanciamento necessário e prevenir a proliferação da Covid-19, o time do Relacionamento está realizando atendimento presencial ao participante mediante agendamento prévio. Tanto o atendimento presencial como o telefônico estão funcionando de 8h às 18h.

Mesmo com o anúncio do home office permanente e com o agendamento prévio atual, o atendimento presencial integral ao participante está previsto para ser retomado a partir de março de 2021. A Libertas estuda ainda a locação de um espaço em escritório estilo ‘coworking’ em Belo Horizonte, com 30 estações para trabalho presencial. O objetivo é oferecer um modelo híbrido ao time para eventuais reuniões, apresentações, atendimento aos participantes, dentre outras atividades. Nesse contexto, 25% da equipe atuará em regime presencial.

A Libertas está avaliando também a viabilidade da prestação de serviços dentro das patrocinadoras e instituidores, com dias e horários predeterminados para atendimento. “Temos o compromisso em prestar um atendimento de excelência aos nossos participantes e beneficiários. Queremos aumentar a qualidade do atendimento em nossos diversos canais disponíveis”, diz o Diretor-Presidente, Lucas Nóbrega, em comunicado.

 

Fusan oferece curso para conselheiros – Para melhor exercício de suas funções, os conselheiros da Fusan que assumiram mandato este ano foram capacitados pela entidade por meio de um curso que proporcionou aprimoramento profissional, tratando sobre a legislação vigente e também a forma que os recursos são aplicados e administrados. Também foram apresentados os planos da entidade aos novos conselheiros. O curso foi dividido em quatro etapas, com início em junho e término em dezembro.

 

Prevcom realiza evento sobre aposentadoria na Semana ENEF – A Prevcom promoveu evento virtual por meio do programa Conta Comigo, em parceria com a DSOP Educação Financeira, abordando estratégias para alcançar uma aposentadoria tranquila. “A sustentabilidade começa dentro do nosso bolso”, afirmou o educador Alessandro Torres na palestra, que integrou as atividades da 7ª Semana Nacional de Educação Financeira (ENEF) encerrada no dia 29 de novembro.

Segundo Torres, o período atípico em 2020 alterou a rotina de todos, promovendo aprendizados em relação à estabilidade financeira. Com experiência em consultoria e projetos organizacionais, o educador da DSOP considera importante agregar novos elementos aos conceitos de poupar e investir. Ele indiciou os primeiros passos para guardar recursos e investir assegurando o equilíbrio desejado na fase em que deixar a atividade laboral. De acordo com Torres, este movimento pode ser iniciado em qualquer etapa da carreira.

Giro das Associadas: Forluz, Sebrae Previdência e Funpresp-Jud

Forluz conquista certificação do GPTW – A Forluz foi reconhecida pela GPTW (Great Place To Work) como um excelente lugar para trabalhar. A certificação foi concedida depois que a fundação obteve um índice de 83% de favorabilidade do clima interno na pesquisa aplicada pela empresa. O Presidente da entidade, Gilberto Gomes Lacerda explica que a GPTW é uma instituição de referência, não só no Brasil, mas no mundo. “É uma certificação de muita credibilidade, que possui metodologia rigorosa e validada. Era preciso alcançarmos um índice de pelo menos 70%, e superamos este número em 13 pontos percentuais”, diz.

Segundo ele, a conquista deve a uma atuação para a melhoria da comunicação interna, incluindo um programa robusto de treinamento para o time, disseminação da cultura do feedback, entre outras ações. “Evoluímos em diversas frentes que se conectam à melhoria do clima. Além disso, a gestão de pessoas é um dos pilares do planejamento estratégico”, pontua.

Gilberto ressalta ainda o esforço para manter os empregados seguros e engajados durante a pandemia de COVID-19. A tendo em vista que a Forluz está funcionando em regime de teletrabalho desde março. “Mesmo distantes, seguimos mais próximos do que nunca. Nosso objetivo é fortalecer o que já temos de positivo e construir soluções para pontos de melhoria”.

O diretor de Seguridade e Gestão, Nelson Benício Marques Araújo, cita também alguns avanços que foram feitos no último ano e contribuíram para a certificação da entidade. “Conseguimos transformar o ambiente e, o mais importante, as pessoas sentiram esta mudança. Estamos promovendo um trabalho intenso de formação dos líderes, abrimos espaço para o diálogo individual do RH com a equipe, fizemos reuniões periódicas da Diretoria com toda a empresa, estipulamos uma rotina para o alinhamento de expectativas entre gestores e empregados, trouxemos novos integrantes para o time e retomamos o planejamento estratégico com o envolvimento de todos. Paralelamente, monitoramos a saúde do nosso quadro corporativo ao longo da pandemia, auxiliando na adaptação ao home office”.

 

Sebrae Previdência ultrapassa R$ 945 milhões em patrimônio – O patrimônio administrado pela Sebrae Previdência ultrapassou a marca de R$ 945 milhões, segundo dados do último acompanhamento semanal dos investimentos. No ano, o Plano Valor Previdência apresentou crescimento patrimonial de 46%, totalizando R$ 22 milhões.

O crescimento patrimonial foi suportado pelas contribuições aos planos, que continuam em crescimento, e também pela performance dos investimentos. Nos últimos 12 meses, os perfis de investimentos Arrojado, Moderado e o recente Plano Valor Previdência superaram indicadores de mercado. O Perfil Arrojado está acima de 200% CDI e os Perfis Moderado e Valor Previdência acima de 160% do CDI nos últimos 12 meses.

Segundo a entidade, o desempenho reflete uma estratégia de diversificação da carteira, além de ações pontuais na gestão de investimentos que utilizou de instrumentos financeiros disponíveis no mercado para mitigar os efeitos da queda de preços dos ativos durante a pandemia.

 

Contribuições facultativas à Funpresp-Jud podem ser pagas via Pix – As contribuições facultativas ao plano da Funpresp-Jud podem ser pagas pelo Pix, novo meio de pagamento criado pelo Banco Central (BC). A chave é o CNPJ da Fundação e o pagamento precisa ser feito pela conta que o participante for titular, para possibilitar a identificação.

Os participantes podem também realizar DOC/TED ou transferência bancária para a Funpresp-Jud. As contribuições facultativas esporádicas podem ser feitas em valores a partir de 2,5% da respectiva remuneração de participação. “A realização de contribuições facultativas faz diferença na formação de uma maior reserva individual e, para ajudar a visualizar o incremento do benefício futuro, é possível fazer simulações no Portal Participante. Além disso, as contribuições facultativas são livres de taxa de carregamento, de forma que os valores vão integralmente para a reserva individual do participante”, diz a fundação.

Newsletter Abrapp em Foco

Cadastre-se e fique por dentro de tudo que acontece no Grupo Abrapp e em sintonia com os fatos mais relevantes do setor.